domingo, 26 de abril de 2015

isto como vilão, chocolate tira a tensão e combate os radicais livres

Quem disse que chocolate não é saudável? As versões mais escuras protegem o coração, aliviam os sintomas da TPM e ajudam na concentração

Viva Mais Digital
MELHOR OPÇÃO
Chocolates com 70% ou mais de cacau são considerados funcionais (colaboram com a saúde). "Pois têm flavonoides, antioxidantes que combatem os radicais livres", diz a nutricioista Raquel Simões.
FIQUE LIGADA
O amargo possui cafeína,  que estimula a memória e a concentração. "Ele também tem substâncias como a teobromina, que ajudam o funcionamento dos neurônios", avisa Raquel.
TCHAU, TENSÃO!
"A ingestão alivia os sintomas da TPM por aumentar a produção de serotonina, neurotransmissor relacionado à sensação de prazer e bem-estar", revela a especialista.
O CORAÇÃO AGRADECE
Os antioxidantes do chocolate amargo ajudam a reduzir a aderência do colesterol às paredes dos vasos sanguíneos. Assim,  ajuda na prevenção de infartos e derrames!
PRESSÃO BOA!
A versão amarga tem catequinas, substâncias que promovem o fluxo sanguíneo adequado, baixando a pressão.
CONSUMO
Raquel indica ingerir, em média, de 20 g a 30 g de chocolate meio amargo ou amargo por dia, o que equivale de três a quatro quadradinhos. Hum, que delícia!
Todos os tipos de chocolate
Amargo e meio amargo: mais escuros de todos, contêm menos açúcar, leite e gorduras quando comparados a outras versões. São os mais indicados para consumo.
Ao leite: tem mais leite e açúcar do que cacau. Por isso é mais docinho... E calórico!
Branco: feito com manteiga de cacau. É rico em gordura.
Fonte-uol.com.br
Light: mesma composição que a versão ao leite, mas com 25% menos calorias.
Diet: o açúcar é substituído por adoçantes. Tem pouco cacau.
Lucineide Medeiros 

sábado, 11 de abril de 2015

7 razões para acrescentar iogurtes em sua dieta


iorguteTodos conhecem o iogurte que sempre está nas prateleiras dos supermercados e, muitas vezes, nas geladeiras das casas. Mas você sabe o que o define e quais são seus benefícios para o corpo? Segundo a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura, o iogurte é um alimento obtido via fermentação láctica, em que é adicionado bactérias – Streptococcus thermophilus  e Lactobacillus Bulgaricus que, apesar dos nomes, são benéficas ao organismo. A adição das frutas torna o alimento mais saboroso e atraente.  Confira abaixo algumas razões para acrescentar o iogurte em sua dieta. Entretanto, lembre-se que seu consumo não deve ser excessivo, mantendo equilíbrio junto com outros nutrientes importantes para um organismo saudável.

No processo de preparo do iogurte, os micro-organismos que mencionamos utilizam a lactose – por essa razão eles não são tão nocivos àquelas pessoas com intolerância à lactose. Isso também auxilia a uma melhor digestão do produto.
O iogurte é rico em cálcio, vitamina A, vitaminas do complexo B e proteínas.
É um alimento que não requer demora com o preparo, mas que mesmo assim se mantém saudável e benéfico, diferente de outros produtos instantâneos que prejudicam o corpo, como os congelados.
Um dos benefícios mais divulgados do iogurte é comprovado cientificamente. O alimento é capaz de repor sua flora intestinal com substâncias saudáveis, prevenindo até mesmo complicações gastrointestinais como câncer e colites.
Pela presença do cálcio ele é importante para o fortalecimento do corpo, pois cuida dos ossos, dentes e alguns mecanismos da musculatura.
Eles podem te ajudar em um raciocínio mais ágil a partir do estímulo à produção de energia através das células.
Os nutrientes e substâncias presentes no iogurte estimulam ainda as defesas do seu corpo, aumentando a sua capacidade de reagir a doenças de forma mais eficaz.

Fina e Rica

Gilmar Mendes dá mais 60 dias para PF concluir investigação sobre Aécio

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu mais 60 dias para a Polícia Federal (PF) concluir as investigações ...